sexta-feira, janeiro 28, 2022

A direita vota na direita!

 

Na perspectiva mais que certa de não haver maiorias absolutas o futuro governo será sempre um compromisso gerado na assembleia da república. Quer isto dizer que o voto útil é inútil e é além do mais uma fraqueza.  Assim cada um é livre de escolher o partido que mais se aproxima dos seus valores o que na habitual clivagem distingue a direita da esquerda. O centro não existe. E quando algum político faz apelos ao centro está apenas a tentar convencer eleitores indecisos e que não sabem bem os valores que defendem!

Aqui chegados, quem defende os valores da esquerda deve votar na esquerda e quem defende os valores da direita deve votar na direita. Quem não o fizer e se iludir com os slogans de uma campanha estafada, estará a enganar-se e a ser enganado outra vez.

 

Antes de qualquer problema económico, de saúde, ou outro, Portugal tem um problema de valores e por via disso um problema de regime. Um regime acossado, incapaz de se reformar, e que erigiu como inimigo principal André Ventura e o CHEGA! Um demónio que veio afrontar o paraíso terreal em que vivíamos! Pois bem, não vale a pena gastar muita prosa com isto. A situação é simples. Para quem for da direita, há só dois partidos da direita* em quem votar – O CDS e o CHEGA.

Façam as vossas contas.

 

*Refiro-me aos partidos com representação parlamentar.

domingo, janeiro 23, 2022

Pelo andar da carruagem...

 

A uma semana das eleições e pelo andar da carruagem já é possível ter uma ideia de como tudo isto vai acabar. Rio ganha as eleições e vai ser primeiro ministro. Não me baseio em nenhuma sondagem mas no senso comum.


E o senso comum diz-me que Costa chegou ao fim da linha e a recente reaparição de Sócrates no canal de televisão da moda foi a gota de água que faltava. É a credibilidade não apenas do governo socialista mas do próprio regime que estão em causa. Quando isto acontece as várias maçonarias unem-se e dão instruções aos partidos que controlam para minimizar danos. E o menor dano possível é entregar o poder a Rui Rio, que não sendo maçon, também não é da direita, e tem a enorme vantagem de ser um homem sério e que pode credibilizar a república. Que bem precisa!


Claro que Rio para governar terá que ter uma maioria que o apoie na assembleia da república. Mas isso arranja-se e os media estão já a tratar do assunto.


Os liberais crescem com a propaganda dos media e com a transferência de votos do Bloco. Assim como assim têm o mesmo programa fracturante, o mesmo provincianismo vanguardista. E a paixão pelos bancos não é muito diferente! O Bloco gosta de os assaltar por fora. Os liberais já lá estão dentro.


Anulado o Bloco é provável que o PCP continue a declinar e que o CDS iguale os votos no PAN e no Livre.


Quanto ao PS, com a saída de Costa, vai para obras.


Só o Chega pode importunar este plano. Daí o boicote da comunicação social e o ataque constante ao seu líder.



Saudações monárquicas

quinta-feira, janeiro 20, 2022

O 'Votómetro' do Observador

 

É um teste curioso, igual a outros que podemos conjecturar, e que nos podem ajudar a definir algumas opções de voto para as próximas legislativas. Não deixa de ser um teste muito centrado no sistema e nas questões que o sistema (comunicação social e partidos) trazem para a praça pública. De fora ficaram questões importantes, que essas sim, se fossem colocadas espelhariam melhor o estado da nação e as suas clivagens.


Por exemplo: - 'A constituição precisa de ser revista tornando-a mais abrangente, mais simples e menos ideológica?! A lei eleitoral precisa de ser revista de forma a responsabilizar individualmente os deputados perante os seus eleitores?! O número de deputados eleitos pelo litoral e pelo interior tem que ser mais equilibrado?! O actual sistema representativo é o grande responsável pela enorme abstenção?!

Não era preciso ir mais longe.


Já agora e usando o votómetro em causa, já repararam que clicando sempre na opção 'neutro', o resultado é uma vitória do Chega (63%)! Será que o 'neutro' corresponde à abstenção (sempre superior a 50%), ou seja, ao sentir geral da maioria dos portugueses?!


Será que estamos há mais de quarenta anos a sofrer um regime contra natura, que nos afasta da nossa história e dos valores que a construíram?! Aumentando assim a descrença e afastando os eleitores das urnas?!


Antes de votares, pensa nisso.



Saudações monárquicas

quarta-feira, janeiro 19, 2022

Cotrim ajuda Costa! Casamento à vista?!

Afinal confirmam-se os piores cenários, João Cotrim de Figueiredo ajudou mesmo António Costa! Em vez de tirar partido dos erros do adversário comportou-se como seu aliado! A ajuda sob a forma de 'sussurro' agrava a situação e deixa no ar uma suspeita e uma pergunta: - a Iniciativa Liberal admite negociar com António Costa se o PS precisar dos seus votos/deputados?!

Não me admirava nada! A verdade é que são almas gémeas nas causas fracturantes e nas questões económicas este PS (agarrado ao poder) não se importa de meter o socialismo na gaveta. Já não era a primeira vez! E com a bazuca no horizonte... Por fim é preciso esclarecer que os liberais nunca foram da direita. Têm em comum com os 'laicos, republicanos e socialistas' a mesma raiz jacobina. Ambos gostam de cantar a marselhesa.

Para quem tem dúvidas, deixo aqui a prova final bem explicada por um bravo candidato de Viseu pelo partido Chega.




domingo, janeiro 16, 2022

Costa ventríloquo!

Vi agora as imagens do debate entre António Costa e João Cotrim de Figueiredo onde se constata claramente que o ainda primeiro ministro faz batota! Através de um auricular está em ligação directa com uma espécie de treinador de bancada que o auxilia e corrige se for caso disso. Que venham agora os polígrafos desmentir aquilo que está no próprio site da CNN, estação que transmitiu o debate.



E a pergunta é: - queremos continuar com uma política de mentiras e com um primeiro ministro batoteiro?


Saudações monárquicas


Post Scriptum: Sobre os fortes indícios de batota por parte de Costa apareceram logo 'técnicos especializados em telecomunicações' a explicarem que era impossível que o 'sussurro' viesse de um auricular. Houve então quem aventasse (ou inventasse) que a voz é do Cotrim a ajudar Costa a explicar correctamente os escalões do IRS do programa socialista! E que para tal não usou a sua voz natural mas um 'sussurro' supostamente jocoso!

Não vou contribuir para alimentar a insanidade mental de tais hipóteses, que a verificarem-se seriam ainda mais graves. E para todos nós. Mas se não foi Cotrim, alguém foi. Investigue-se.

quinta-feira, janeiro 13, 2022

O líder das audiências e única oposição!

 

Ontem a CNNLIXO, rompendo todas as regras, prolongou o debate por mais cinco minutos entre Ventura e Chicão! Tem sido sempre assim, com o líder do Chega a bater as audiências no cabo e a garantir emprego a muita gente. Desde que evidentemente façam tudo para o atrapalhar. O que não é nada fácil.


Depois ainda temos o pós debate, esse um bocadinho mais monótono, uma vez que o painel está invariávelmente de acordo – Ventura perde sempre. Por exemplo, todos vimos que o líder do CDS quis imitar o estilo de Ventura, um erro crasso que lhe saiu caro. Pois bem, os dois paineleiros também perceberam isso, mas não podiam dizer.

A loira, que faz jus à anedota, fez um esforço para raciocinar, enunciou as premissas mas concluiu ao contrário! O Calafate ainda não ultrapassou as eleições do Sporting!


Entretanto começam a sair as sondagens de encomenda e consoante as necessidades. Num dia Costa afasta-se, no outro Rio aproxima-se, o Bloco mantém-se firme, o PCP idem, o Chega perde gaz, a Iniciativa Liberal dá um pulo, o PAN ainda existe, e o CDS afunda-se. Isto vai ser assim até ao dia das eleições.


Uma certeza: - André Ventura e o Chega são as únicas garantias de que há oposição ao regime. Não digo ao regime republicano mas à república laica e socialista que saiu do 25 de Abril. E ganhe muitos votos ou poucos votos está traçada uma fronteira onde o Chega está sozinho. Os restantes partidos estão todos do outro lado. O CDS, a lutar para sobreviver, ainda não percebeu que só vai existir e crescer quando cortar definitivamente com o PSD. Mas não vejo ninguém do CDS para aí virado!


Saudações monárquicas

sexta-feira, janeiro 07, 2022

Ventura entra em cena! Costa está de saída!

 

O debate mais importante das legislativas aconteceu ontem e o resultado foi catastrófico para o ainda primeiro ministro António Costa. As justificações que deu à saída da RTP, e que duraram quase tanto tempo como o debate, confirmaram apenas o que todos vimos. Um desastre.


Denúncias infantis - Ventura não está vacinado! Insinuações sobre o carácter do fiscalista Ventura, e presume-se, dos fiscalistas em geral! Foi buscar a tese de estudante de Ventura! E por fim, a mesma pergunta do Bloco – onde é que o deputado do Chega estava no dia da votação de uma lei contra a corrupção?! Pergunta fatal que abriu a porta às cenas finais onde a corrupção socialista até tem fotografia!


Bem se esforçou o pivot de serviço (jornalista da estação pública!) em interromper, calar, e evitar que a prova que documenta Sócrates e Costa a celebrarem a governação socialista fosse (novamente) vista pelos portugueses! Mas não conseguiu. O país recordou então, durante uns segundos, os bons velhos tempos em quem fomos à banca rota.


O outro sinal de que alguma coisa de grave aconteceu à esquerda eleitoral foi o recato traduzido nos comentários pós debate. Ainda houve alguns que tentaram passar a ideia de que Costa saiu por cima, mas de forma muito rebuscada e pouco convicta. Alguma coisa mudou. Ou me engano muito ou Costa está de saída.